5 dicas para cuidar da pele depois do excesso de exposição solar

Ah, o verão… Os dias mais longos, as temperaturas lá em cima, o sol brilhando. Tem coisa melhor do que se refrescar do calor na praia ou piscina? E ainda voltar para casa com aquele bronzeado especial? Pois é, não tem. O problema é que o excesso de exposição solar pode causar alguns prejuízos para a nossa pele. Anote aí: além da vermelhidão (quem nunca?), também pode provocar manchas, bolhas e até mesmo queimaduras graves.

E nessas horas, não adianta só apostar na dupla protetor solar + horário certo. Ok, a gente sabe que o filtro é um item indispensável e que é melhor cair na água antes das 10h e depois das 16h – período em que há menor incidência solar – mas existem outros cuidados que não podem ser deixados de lado, principalmente se houver exageros. E vamos combinar, sempre burlamos algumas regras nessa hora, não é? Então preste atenção pois aí vai o ritual completo para proteger a pele durante o verão e aproveitar a estação:

1. Água quente? Nem pensar!

agua-de-coco-cea1

Banhos quentes já são terríveis, pois promovem a dilatação dos poros e ainda retiram o brilho e a maciez da pele. Imagine no calor, quando o corpo já está quente e a temperatura externa é mais alta. Ou seja, aproveite para tomar banho com a água mais fria. É um ótimo exercício para acalmar a pele e relaxar a mente. Praticamente uma terapia!

 2. Hidratação já!

HIDRATAÇÃO

Depois de horas exposta ao sol, é normal perceber que a pele está mais ressecada. Por isso, a hidratação é fundamental. Isso envolve lavar bem todo o corpo com um sabonete hidratante e aplicar óleos relaxantes para manter a pele macia e livre de alergias. Só deixe a esponja de lado, ok? Ela – assim como qualquer outro produto esfoliante – provoca um atrito com a pele e pode até piorar a situação. Já  pensou?

 3. Faça das compressas suas melhores amigas

compressa-fria-e-quente

E aquela moleza que dá depois de um dia inteiro na praia? Ou então a sensação terrível de não conseguir dormir por causa da pele quente e das áreas vermelhas? Casos assim não deveriam ser comuns, mas acontecem com todas nós. A dica é fazer compressas com água fresquinha para aliviar a ardência. Pode ser com toalhinhas mesmo. Basta umedecer e aplicar nas regiões mais prejudicadas.

4. Deixe a pele cicatrizar

Pele-descascando-por-causa-do-sol

Confesso: dá muita aflição ao ver um pedaço da pele descascando. A gente logo sente vontade de tirar aquelas pelinhas que sobram, não é? Mas acredite, isso só piora e deixa a região ainda mais sensível. Sem falar que pode provocar mais manchas e algumas só saem com procedimentos estéticos. O mesmo vale para bolhas causadas por queimaduras, ok? O jeito é respirar fundo, ter muita paciência e esperar o tempo natural de cicatrização.

 5. Fique na sombra. Sim, vale a pena

Young-woman-holding-beach-umbrella-smiling-close-up

Sabe qual é o principal erro na hora de cuidar da pele queimada por causa do sol? Ficar ainda mais exposta. Quando o aspecto bronzeado passou do limite, ou seja, quando atingiu aquele tom vermelho-camarão, não tem outra solução a não ser pegar leve nos dias seguintes. Isso significa que dá, sim, para se divertir com a turma, mas na sombra e totalmente protegido, com chapéu, óculos de sol e por aí vai. Ok, não é a alternativa mais agradável, mas é melhor do que passar o verão dentro de casa, concorda?

Anúncios

Um comentário sobre “5 dicas para cuidar da pele depois do excesso de exposição solar

  1. Pingback: 10 dicas para aproveitar o Carnaval | Fik Dik

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s