The Leftovers: clima de mistério à moda de Lost

The-Leftovers

Apesar de não ser fanática, eu gosto muito de séries televisivas, o que me causou certa surpresa ao descobrir que ainda não tinha feito nenhum post sobre elas por aqui. Acontece que, ao contrário de muita gente, eu não vejo a menor graça nos seriados de comédia (sabe aqueles com umas risadinhas ao fundo?) e prefiro assistir os mais dramáticos. Recentemente, Dexter e Breaking Bad entraram para a minha lista de favoritas – ainda não consigo decidir qual delas é a melhor – mas resolvi dedicar meu tempo à outro programa: The Leftovers, que encerrou sua primeira temporada no último domingo (7).

A série gira em torno dos moradores de Mapletown, cidadezinha norte-americana, que sofrem com o evento que aconteceu no dia 14 de outubro, quando parte da população misteriosamente desapareceu. O episódio inicial começa mostrando o desespero de uma mãe que perde seu bebê de uma hora para outra. Depois dessa cena, é impossível não ter vontade de continuar assistindo. O seriado se passa três anos após a tragédia e mostra que ninguém conseguiu se recuperar.

140303-the-leftovers-2p-900

A história central da série gira ao redor da família do delegado Kevin Garvey

O delegado Kevin Garvey (interpretado por Justin Theroux, mais conhecido por ser o noivo de Jennifer Aniston) é o protagonista. Nos primeiros minutos, descobrimos que a família dele não está nada bem. A mulher de Kevin sai de casa após fazer parte de uma seita com pessoas que se sentem culpadas pelo evento do dia 14 de outubro e fazem voto de silêncio, além de fumarem sem parar e só se vestirem de branco. O filho mais velho se abriga em outra seita, comandada pelo guru Wayne, que diz ter o poder de afastar a dor. Enquanto isso, a filha adolescente tenta se adaptar a essas mudanças.

O enredo é bom, mas acabou se perdendo ao longo dos dez episódios da temporada. Na minha visão, houve muitos fatos ao mesmo tempo e grande parte deles acabou sem explicação. Não ficou claro o que aconteceu de fato com as pessoas desaparecidas e as causas da tragédia. Também achei que a personagem da Liv Tyler – a atriz mais conhecida do elenco – prometia, mas no fim virou secundária. As próprias crenças do Wayne foram ditas por cima, mas ficaram algumas dúvidas no ar.

Ainda não se sabe muito sobre a seita dos culpados

Ainda não se sabe muito sobre a seita dos culpados

Os episódios que saíram da família principal para focar na história de outros personagens, como o padre Matt e sua irmã Nora (que se tornou a atriz de destaque da série), foram os meus favoritos. Apesar de o começo ter sido muito bom, acredito que a série tenha derrapado em outros momentos. Sorte que os últimos dois foram excelentes e terminaram com aquele gostinho de quero mais.

Torço pelo contrário, mas senti que vai ser igual Lost, que prometia muito, mas terminou sem revelar pontos principais. Espero que os mistérios de The Leftovers sejam explicados na segunda temporada, que já foi confirmada, mas ainda não tem data de estreia. Só nos resta aguardar!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s