O lado bom de ser solteira

Sim, eu sou solteira. Por muitos anos da minha vida, confessar o meu estado civil era algo que me causava revolta e até vergonha (poxa, como assim eu não tenho namorado?), mas estou em uma fase tão legal comigo mesma – e andei lendo textos tão bacanas como esse publicado no blog Precisava Escrever – que eu descobri que ser sozinha tem lá suas vantagens. Alias, são várias. Quer ver só?

Amigos em primeiro lugar

download

Todas nós conhecemos alguém que acabou se afastando dos amigos depois que começou a namorar. E, quando acontece com a gente, fazemos questão de afirmar que continuaremos a ter vida social. Acontece que isso não é tão fácil, principalmente nos primeiros meses de relacionamento, quando tudo o que queremos é ficar perto da pessoa amada. Aí entra um grande ponto positivo para as solteiras: você pode sair com quem quiser, quando quiser e ir a qualquer lugar. E também tem todo o direito de recusar um convite e remarcar para a próxima semana. Dedicar sua atenção total aos amigos vale muito a pena, sabia? Afinal, quem vai te consolar se o namoro acabar?

Dar satisfação? Jamais!

Intirisari-online

Sou do tipo que planeja os compromissos do mês com bastante antecedência, mas não consigo nem imaginar como seria minha vida se eu tivesse que dizer o que estou fazendo a cada cinco minutos. Liberdade, para mim, é algo que não tem preço. É viajar com os amigos em um final de semana qualquer, é pensar no destino das suas próximas férias, é simplesmente pegar o carro e ir ao cinema para assistir aquele filme que você tanto quer. Claro que você pode fazer isso com outra pessoa, mas é tão gostoso curtir a sua própria companhia. Tudo bem que, quando você mora com os seus pais, vai receber uma ligação da mamãe perguntando quando você vai voltar para casa (mas mãe a gente perdoa, né?).

Conhecer gente nova

Party time

Estar solteiro significa ter a possibilidade de conhecer lugares diferentes e fazer novos amigos. Tenho histórias tão legais e engraçadas que até hoje penso no quanto reclamei à toa por não ter um companheiro. Se fosse comprometida, eu provavelmente não teria saído tanto e não me sentiria tão à vontade para me divertir. Mas o importante é que isso seja feito no momento certo. Não adianta colocar o seu vestido mais bonito e acertar no penteado se você não está no clima de balada. Do mesmo modo, não saia de casa se você decidiu que está cansada desse tipo de programa. Digo por experiência própria: eu costumava sair muito, mas, de uns tempos para cá, prefiro fazer algo mais light. Sim, eu sei que não vou conhecer ninguém ficando em casa, mas não vejo sentido em forçar algo.

Aprender a gostar de si mesmo

Favim

Sabe aquele velho ditado que diz que o primeiro passo para encontrar alguém é o amor-próprio? Funciona, viu! Quando você aceita a imagem que vê do outro lado do espelho, tudo fica mais leve e fácil. Você consegue separar seus defeitos e suas qualidades. Valoriza aquilo que tem de bom e se esforça para ser uma pessoa melhor. Mas, principalmente, você aprende a conviver com a frustração. Esse é o grande desafio da solteirice. Claro que todas nós gostaríamos de ter alguém por perto, mas entendemos que não vale a pena namorar o primeiro cara que aparece só para mudar o status do Facebook. Se amar é compreender que os outros podem, sim, ser felizes e que a sua hora vai chegar. Mas, se não chegar, você também vai ser feliz, só que de outro modo. Namorar, casar e ter uma família é o sonho de muita gente (inclusive o meu), mas isso não é tudo.

Economizar

Social Girl World

Na verdade, os gastos que você vai ter serão somente com você. O que isso significa? Comprar aquela bolsa linda que você já está de olho há tempos sem ficar com peso na consciência. Ou então dar entrada em um apê que será do seu jeitinho. É bom planejar a vida com mais alguém por perto? Muito. Mas também é bom saber que você pode exagerar um pouquinho sem a necessidade de dar explicações quando chegar a fatura do cartão. É tudo por sua conta e risco. A responsabilidade aumenta, mas é muito bacana se sentir no controle e não ficar triste quando recebe mais uma parcela daquele presente que você comprou para o ex pouco antes do namoro terminar.

Por fim, ser solteiro é aprender a driblar o medo da solidão e entender que não tem problema nenhum em viver assim. E rir dos comentários que as outras pessoas fazem sobre você. Afinal, quem nunca ouviu um: “ah, é que você é muito exigente”? Bom, melhor ser exigente e esperar para encontrar alguém que realmente valha a pena, não é?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s