Como deixar o armário em ordem

Responda rápido: você consegue ver todas as suas roupas e acessórios quando abre o armário? Não tem nada entulhado, amassado ou jogado lá no fundo? E os cabides, estão todos alinhados? Se você disse sim a qualquer uma dessas perguntas, parabéns, você é uma mulher de sucesso. Mas se você, assim como eu, pensou em um não em qualquer um dos itens, é hora de aprender a deixar tudo em ordem.

Eu sei, dá preguiça ao pensar em tirar todas as peças do lugar. E só de imaginar o tempo que vai demorar… Mas pense que essa será uma ótima atividade para avaliar quais roupas são usadas e quais devem ser doadas.

Durante a arrumação, separe os itens por famílias, ou seja, agrupe camisetas de manga curta em um espaço, as de manga longa em outro e por aí vai. Essa etapa é fundamental para ver a quantidade de peças que devem ser guardadas. Se o número for grande, vale separar por cor.

Imagem

Lingerie

É a parte que acaba mais bagunçada por conta do uso. Mas dá para manter em ordem com organizadores específicos para calcinhas e sutiãs. Lembre de avaliar a metragem disponível antes de comprar os divisores, ok? Se a verba estiver curta, separe a roupa de baixo por cor e utilização (os mais frequentes ficam sempre na frente para facilitar a visualização). No caso dos sutiãs, evite dobrá-los para não deformá-los.

Roupas de ginástica

Quem tem poucas (meu caso!) pode guardar em uma mesma gaveta. A regra da cor também pode ser aplicada aqui, mas para ficar mais prático, enrole calças e dobre tops e blusas.

Malhas e tricôs

Acredite, você vai usá-los muito neste inverno. Por isso, nada de empilhar no fundo do armário. Escolha uma gaveta (ou quantas forem preciso) e agrupe por material e tipo de gola – arredondada, alta ou “v”.

Pijamas

Também acabam jogados e amassados, mas merecem uma gaveta exclusiva. O tamanho depende da quantidade de peças. O importante é separar uma pilha para pijamas de verão e outra para os de inverno.

Imagem

Calças

Regra número um: uma calça por cabide. Assim, elas não escorregam e não ficam enganchadas. Não tem espaço? Sem problemas! Para ter boa distribuição e visualização mais rápida, posicione o cavalo de todas as peças para dentro do armário.

Bolsas

É sempre assim: você decide sair com aquela bolsa especial que vai combinar perfeitamente com a roupa escolhida. No começo, você até tenta procurar civilizadamente, mas cai no desespero segundos depois e joga tudo no chão até encontrar a maldita. Para não ter mais esse problema, reserve uma prateleira ampla e separe por tamanho, cor e ocasião (as de festa, que são menores, ficam na frente, combinado?)

Sapatos

Você passa a semana dizendo que precisa ir ao shopping para comprar aquela bota de cano alto ou o sapato que vai bombar no inverno. Quando chega em casa e vai guardar a compra, percebe que já tinha algo muito parecido no armário. Calma, não precisa ficar triste. É só agrupar os pares em prateleiras (ou sapateiras) e deixar os pares lado a lado. Vale fazer um rodízio de acordo com a estação: sapatos de frio vão para a frente nos próximos meses e trocam de lugar com sandálias e rasteirinhas quando o calor voltar.

Imagem

Cabides

De nada adianta deixar tudo em ordem se os cabides não forem de qualidade. O material não importa muito, pode ser de madeira, plástico ou aço. O fundamental mesmo é que ele seja próprio para a roupa. Os fininhos combinam com roupas mais leves, enquanto vestidos e casacos pesados pedem opções mais largas. Seja qual for a escolha, opte pelo mesmo modelo para todas as peças para criar uma identidade visual.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s